segunda-feira, 3 de novembro de 2014

Anjo da Guarda ...


















Anjo da Guarda

Eu tenho um anjo, anjo da guarda
Que me protege de noite e de dia
Eu tenho um anjo, anjo da guarda
Que me protege de noite e de dia
Eu não o vejo, eu não o oiço
Mas sinto sempre a sua companhia

Eu tenho um guarda que é um anjo
Que me protege de noite e de dia
A toda a hora e em todo lado
Posso contar com a sua vigia
Não usa arma, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina a minha vida

Ele não, não usa arma
Ele não, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina
A minha vida

Ele não, não usa arma
Ele não, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina
A minha vida

Eu tenho um anjo, anjo da guarda
Que me protege de noite e de dia
Eu tenho um anjo, anjo da guarda
Que me protege de noite e de dia
Eu não o vejo, eu não o oiço
Mas sinto sempre a sua companhia
Eu tenho um guarda que é um anjo
Que me protege de noite e de dia
A toda a hora e em todo lado
Posso contar com a sua vigia
Não usa arma, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina a minha vida

Ele não, não usa arma
Ele não, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina
A minha vida
Ele não, não usa arma
Ele não, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina
A minha vida


Ele não, não usa arma
Ele não, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina
A minha vida

Ele não, não usa arma
Ele não, não usa a força
Usa uma luz com que ilumina

A minha vida



Enviar um comentário