terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

A morte da eternidade...

 
 
 
 
Chega, de leve, levando as almas em sofrimento.
Estranha história de vida... Das origens pouco se sabe.
Pronúncios de morte ecoam na existência do ser.
A passagem é o preâmbulo das nossas interrogações.
Estas são, sempre em vão.

Abraços e Beijinhos,
José
A Eterna Diva - Maria Callas - Mama morta


 


Enviar um comentário